programacao_destaque

Programação na cidade como política pública é tema de formação no teatro Flávio Império

Como pensar uma programação cultural para toda a cidade de São Paulo? Como construir a programação cultural de um equipamento público mantendo o diálogo com o território onde se está inserido?

Para refletir sobre essas e outras questões, estiveram presentes na formação teórica do Programa Jovem Monitor Cultural (PJMC) do dia 28 de setembro o assessor da Secretaria Municipal de Cultura (SMC), Fábio Maleronka Ferron, e Leandro Hoehne Polato, coordenador do teatro Flávio Império.

Já o período da tarde foi marcado pelas experiências trazidas por membros de coletivos culturais da Zona Leste da cidade. Estiveram presentes: Elaine Mineiro, do coletivo No Batente e integrante do Fórum de Cultura da Zona Leste; Marcello Nascimento, gestor da Casa de Cultura Raul Seixas e também integrante do Fórum de Cultura da Zona Leste; Nei Gomes, ator da Cia. Estável de Teatro; e Vander Clementino Guedes, membro da Ocupação Cultural de Ermelino Matarazzo. O momento foi de compartilhamento das contribuições, experiências, trajetórias e conquistas socioculturais na região. Saiba mais no vídeo abaixo.